13º salário



O Décimo terceiro salário foi implantado durante o governo do ex-presidente João Goulart, na década de 1960, por meio da Lei 4.090 que ficou conhecida como a Lei do Décimo Terceiro Salário.

Este salário a mais, é uma bonificação aos trabalhadores que executam suas atividades com carteira assinada. O pagamento é feito em duas parcelas e o valor é proporcional ao número de meses trabalhados, ou seja, se em um ano você trabalhar somente 5 meses ganhará menos do que outro trabalhador que registrou 11 meses de atividades.

13 salário

Décimo Terceiro Salário – Confira quem tem direito ao 13º salário, e como consultar o valor do décimo terceiro

Quem tem direito ao 13 salário

Todos os trabalhadores dos setores público e privado tem direito ao benefício do 13º salário. O valor do benefício é pago anualmente é o valor do salário efetivo do funcionário, ao contrário do décimo quarto salário, como costuma ser chamado o PIS, que é no valor de 1 salário mínimo, independentemente da remuneração do funcionário.

Como se calcula o décimo terceiro salário?

Embora muitas pessoas tenham dúvida, o cálculo é muito simples e você pode realiza-lo para saber, de antemão, quanto receberá, antes que saia o pagamento da bonificação. O calculo é feito sobre o salário mensal que você recebe; para isso você deverá pegar o valor do seu salário e dividir por 12 (número de meses anuais) e depois pegar o resultado e multiplicar pelo número de meses trabalhados para saber exatamente o valor do seu décimo terceiro. Veja nos exemplos abaixo como é simples:

Marília trabalha há 10 meses e ganha mensalmente R$ 1.500. Considerando esses dados, ela deverá fazer o seguinte calculo: 1.500 / 12 = 125.

Digamos que, no momento do cálculo, Marília trabalhou o 10º mês até o dia 20. Nesse caso, o cálculo será o seguinte: 125 x 10 = R$ 1250,00. Este será o valor do 13º dela.

Mas, você poderia questionar “como ela receberá o 10º mês se não completou os 30 dias de trabalho?”. A resposta é simples. A lei trabalhista considera, para os efeitos de cálculo, que após concluir 15 dias do mês trabalhado, o cálculo deverá ser feito como se houvesse completado o período mensal.

Em outras palavras, se você trabalhar até 14 dias em um mês, você não receberá o valor integral do beneficio referente ao período. Vejamos outro exemplo:

João trabalhou 12 meses e o seu salário é de R$ 2.000. Ele receberá integralmente o seu décimo terceiro salário, pois o cálculo será semelhante ao primeiro caso e o resultado será o valor de mais um salário:

2.000 / 12 = 166,66

166,66 X 12 = 2.000

E vamos considerar o caso de um trabalhador, cujo salário é captado por meio de comissões. Como fica o décimo terceiro salário nesse caso? Veja o exemplo:

Marcos trabalha em uma loja que o paga por sistema de comissão. Para saber qual será o valor do seu Décimo Terceiro, deverá calcular a média salarial dessas comissões. O valor encontrado será a base de cálculo para o recebimento do benefício.

Se, por exemplo, o valor da média encontrada foi de R$ 1.000,00 este será a base de cálculo e, se trabalhou os 12 meses do período, o décimo terceiro será integral como você viu no exemplo acima.

Como você percebeu, o cálculo é muito simples e poderá realiza-lo sozinho sem a necessidade de um profissional. O pagamento do Décimo Terceiro é feito geralmente em duas parcelas: uma em novembro e outra em dezembro, mas existem empresas que realizam o pagamento da primeira parcela em julho e da segunda em dezembro.

Neste caso, é bom saber junto ao empregador qual é o modelo que ele segue para que você possa se organizar financeiramente e contar com esse importante benefício. Em alguns casos, especialmente no setor público, pode haver pagamento do benefício em parcela única, em dezembro.

Confira também a tabela do Mínimo e veja qual o valor do 14º salário que você tem direito!!

Avalie:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Responder